Ultimate magazine theme for WordPress.

África do Sul finaliza tratado de extradição com Emirados Árabes Unidos

A África do Sul anunciou hoje que está a negociar um acordo de extradição com os Emirados Árabes Unidos, procurando trazer à justiça três empresários acusados de lesarem o erário público com a cumplicidade do antigo Presidente Jacob Zuma.

De acordo com a agência francesa de notícias, a AFP, Pretória anunciou a negociação no seguimento da fuga, presumivelmente para os EAU, de três irmãos empresários, Ajay, Atul e Rajesh Gupta, depois da criação de uma comissão em 2018 sobre a corrupção no país durante os nove anos da presidência de Zuma.

O acordo de extradição será assinado em 10 de julho e entrará em vigor um mês depois, disse o ministro da Justiça durante uma conferência de imprensa transmitida em formato virtual.

“Infelizmente, até à data, não recebemos o nível de cooperação exigido”, lamentou Ronald Lamola, considerando que os EAU têm arrastado o processo.

Envolvido num escândalo, Jacob Zuma foi forçado a demitir-se em 2018 depois de vários escândalos financeiros, e deverá ser ouvido pela comissão anti-corrupção em breve, o mesmo acontecendo com o seu sucessor, Cyril Ramaphosa, que fez do combate à corrupção uma das principais prioridades do seu mandato.(LUSA)

você pode gostar também