Ultimate magazine theme for WordPress.

Filho de Fidel Castro revela “tesouros” deixados por Maradona em Cuba

Diego Armando Maradona morreu no passado dia 25 de novembro, aos 60 anos, vítima de uma paragem cardiorrespiratória, deixando para trás uma vasta herança, que só aos poucos vai sendo verdadeiramente conhecida.

Parte dela está ‘escondida’ em Cuba, segundo revelou, esta terça-feira, Mauricio D’Alessandro, representante legal do advogado de El Pibe, Matías Morla, em entrevista concedida ao programa argentino ‘Los Ángeles de la Mañana’.

O jurista disse ter recebido uma chamada de um dos filhos do falecido presidente cubano, Fidel Castro, na qual ficou a saber que o ex-craque argentino deixou alguns “tesouros” na casa que mantinha há largos anos no país.

“O Fidel [Castro] ofereceu-lhe essa casa na pradaria como prenda. Há um cuidador velhote que cuida da casa, e há muitos tesouros do Diego [Maradona]. Há dezenas de objetos no sótão e serão usados para construir um museu”, afirmou.

“Há fotografias e cartas de líderes mundiais. Maradona levantava-se e escrevia nas paredes”, acrescentou Mauricio D’Alessandro.(NM)

você pode gostar também