Empresário raptado pela segunda vez à luz do dia em Maputo

O empresário e gestor de uma rede de armazéns conhecido por Manaf foi raptado pela segunda vez na zona de Matendene, no Zimpeto, em Maputo. Diferentemente do primeiro rapto, os sequestradores estão a levar tempo a entrar em contacto com a família para pedir resgate.

Portões dos armazéns fechados. Trabalhadores em pequenos grupos em comentários de boca pequena. Tensão e tristeza patentes. É o ambiente que se vive desde o rapto do empresário responsável por estes armazéns. Foi raptado na sexta-feira, por volta das 17h, e os raptores ainda não contacto com a família para negociar eventual resgate como fizeram doutra vez, tratando do segundo rapto. A polícia confirma e diz estar em acção.

Por conta da reacção dos raptores na acção anterior, desta vez a família da vítima não quer prestar declarações a imprensa, muito menos os trabalhadores da vítima, de 54 anos. A polícia diz ter informações que não podem ser dispensadas enquanto decorrerem investigações.