Três coisas que os cães podem cheirar e que os humanos não conseguem

Cheirar faz parte do comportamento natural de um cão, tanto para a sua sobrevivência como para entender o mundo ao seu redor. O nariz de um cão contém, segundo a Reader’s Digest, 300 milhões de recetores olfativos, em comparação com os 6 milhões encontrados no nariz humano. Isso significa que o nariz de um cão é 50 vezes mais forte do que o nosso para captar cheiros.

Três coisas que os cães podem cheirar e que os humanos não conseguem

Pessoas:

Os cães têm uma capacidade extraordinária de rastrear pessoas pelo cheiro, razão pela qual são usados em buscas policiais.

Cancro:

“Os cientistas confirmaram que os cães podem cheirar o cancro nos seus estágios iniciais, especificamente o cancro do pulmão e da mama”, explica o especialista em animais de estimação Peter Laskay. O tumor cancerígeno produz proteínas que os cães conseguem cheirar na urina.

Ovulação e gravidez:

Como os cães são sensíveis aos odores da urina, faria sentido que eles também sentissem o cheiro das nossas hormonas. Com todas as mudanças hormonais no corpo da mulher durante a gravidez, os cães normalmente são capazes de perceber essas diferenças. (NM)