fbpx

Cuidado com homens fofoqueiros alerta Vovó Julieta

Dizem os mais experientes que até os ditos santos da face da terra, de vez em quando, vestem-se de calçolas e vão dar uma volta à praia, qual um mortal desinibido.

Ora bem, de tanto o mundo dar voltas, já se contam às dezenas homens que se revelam no dom da fofoca. É por estas e outras que a vovó Julieta, residente em Maputo, em conversa com o jornal domingo, disse que quando um “barbudo” é fofoqueiro “cuidado”, pois geralmente “é perigoso e malandro”.

Ao argumentar tamanha acusação, afirmou que “eles (os homens fofoqueiros) querem saber da vida dos outros por inveja da vida que o amigo leva; da mulher que o amigo tem, por isso até procuram defeitos nessas mulheres para ‘encherem’ a cabeça do respectivo companheiro, afirmando que elas não prestam, não servem, quando na verdade eles queriam estar nos braços dela, (isto é) querem estragar a relação do amigo”, exemplificou.

E, em tom de desabafo, soltou uma gargalhada e clamou por ajuda divina: “Heheheee… Só Deus pode nos salvar. Temos de orar muito, porque hoje em dia… ‘masinguita, ntsem’! Nós (os mais velhos) não sabíamos que isto existia, homens que fofocam (risos)…”, abriu-se a vovó ao domingo. (Fim)