Flamengo quer manter Jorge Jesus e avisa Benfica “Não temos de negociar nada”

Marcos Braz, vice-presidente para o futebol do Flamengo, desvalorizou, esta quarta-feira, os rumores que dão conta do alegado interesse do Benfica no regresso de Jorge Jesus no final da presente temporada, face à demissão de Bruno Lage.

Em declarações prestadas ao jornal A Bola, o dirigente do conjunto brasileiro diz não estar “a par oficialmente” dos supostos contactos entre ambas as partes, mas sublinha que é “português” e conhece “muitas pessoas do futebol” que já lhe “confirmaram” a informação.

“Um grande clube português querer contratar o Jorge é sinal de que acertámos ao acreditar nele há um ano. Nada que seja inesperado””, afirmou, sublinhando, no entanto, que ainda não conversou “com o Jorge sobre esse assunto”.

“A minha relação com o Jorge é a mais leal possível, por tudo o que tratámos e falámos desde que falei com ele em Lisboa. Cumpri tudo e nem estou a falar de assuntos financeiros. É uma relação muito boa. No dia em que ache que tem que falar de um assunto importante comigo, falarei”, acrescentou.

Marcos Braz disse, ainda, estar convicto de que irá conseguir manter Jorge Jesus no Flamengo, e deixou um aviso ao Benfica: “Não tenho de negociar nada. A minha relação com o Jorge é maior do que isso, muito maior do que isso. Vai conversar comigo a hora que entender que tem alguma coisa para falar”.

“Não tem de abrir negociação, não tem de abrir mão. Desde o primeiro dia em que contratei o Jorge, há um ano, sempre acreditei no trabalho do Jorge, até quando foi bastante questionado depois de ter chegado. Não acreditei no Jorge só nas horas boas”, rematou.(NMinuto)