MOZAL apoia Ministério da Saúde nas acções de prevenção e combate a propagação a COVID-19

Partilha Esta Noticia com os Seus Amigos

A Mozal ofereceu, nesta quarta feira, mais de 10 milhões de meticais e 10 mil litros de álcool ao Ministério da Saúde como forma de apoiar o governo nas acções de prevenção e combate a propagação da COVID-19 e no fortalecimento da capacidade de testagem no país.

De acordo com Gil Cumaio, Director dos Assuntos Corporativos da Mozal, o gesto surge em resposta aos desafios que o sector da saúde enfrenta, até porque o número de casos positivos continua a subir. “Esta doação é parte da nossa acção na prevenção e resposta à COVID-19 a nível nacional”. E salientou Cumaio: “A Mozal continua comprometida com a segurança, saúde e o bem-estar das comunidades onde está inserida, porque esta é uma causa correcta e importante para nós”.

A par da fábrica de alumínio Mozal, seguiram para a mesma causa a Embaixada da China e a empresa Cervejas de Moçambique, que ofereceram 370 mil máscaras de protecção,31 mil equipamento de protecção, luva, óculos de protecção, tampas descartáveis de sapatos e 20 mil viseiras respectivamente.

O encarregado de negócios na Embaixada da China em Moçambique, Zhang Xiangyan, diz que o donativo que ocorre num momento considerado crítico expressa a solidariedade do Governo e povo chinês para com povo moçambicano e fraternidade entre os dois países.

Por outro lado, as Cervejas de Moçambique garante que constitui prioridade proteger profissionais de saúde e dota-los de bens essenciais

OPAIS