Redução dos salários no Barcelona está a deixar os capitães revoltados

Partilha Esta Noticia com os Seus Amigos

O jornal “As” anunciou que o Barcelona quer avançar com um corte salarial de 70% a todos os jogadores, durante o período de isolamento, o que está a gerar controvérsia dentro do plantel do clube.

A redução aplica-se a todas as modalidades, mas foram os capitães da equipa principal a mostrar indignação.

Entretanto, e de acordo o mesmo jornal, o presidente Josep Maria Bartomeu está a ponderar Os ordenados da equipa principal em “apenas” 50%, tendo em conta que as receitas no futebol são consideravelmente maiores, mas nem assim os jogadores ficaram convencidos.

Está marcada para hoje, quinta-feira, uma nova reunião no clube, numa tentativa de fixar a decisão, que apenas teria efeito durante a quarentena, sendo que, com o regresso ao trabalho, os jogadores voltariam a receber os valores acordados nos contratos.