Traficantes impõem recolher obrigatório em favelas do Brasil para travar a disseminação do coronavírus

Partilha Esta Noticia com os Seus Amigos

Milicianos e traficantes do estado brasileiro do Rio de Janeiro impuseram um toque de recolher obrigatório às comunidades de favelas daquela região de forma a travar a disseminação do novo coronavírus, segundo o portal de notícias G1.

De acordo com moradores das favelas de Muzema, Rio das Pedras e Tijuquinha, localizadas na zona oeste do Rio de Janeiro, as mensagens foram enviadas pelas redes sociais, e indicam à população que não saia de casa depois das 20:00

“Atenção todos os moradores de Rio das Pedras, Muzema e Tijuquinha! Toque de recolher a partir de hoje 20:00. Quem for visto na rua após este horário vai aprender a respeitar o próximo!”, diz a mensagem divulgada pelo G1.

“Queremos o melhor para população. Se o Governo não tem capacidade de dar um jeito, o crime organizado resolve”, indica uma outra mensagem.

Até ao último domingo, o Rio de Janeiro tinha 186 casos de coronavírus, dos 1.546 registados em todo o Brasil, sendo o segundo estado mais atingido, atrás de São Paulo.(LUSA)