Pelo menos 800 cidadãos em quarentena em Moçambique por precaução ao coronavírus

Partilha Esta Noticia com os Seus Amigos

Pelo menos 800 cidadãos provenientes de países com casos confirmados do novo coronavírus, o Covid-19, incluindo asiáticos, estão em quarentena em várias províncias moçambicanas, informou nesta sexta-feira, 21, o ministro da Saúde.

Armindo Tiago, que se encontra na província de Manica, acrescentou que, desde o dia 22, foram feitos 24 mil rastreios nos principais aeroportos de Moçambique, sem qualquer caso positivo.

“Estamos a usar (para a quarentena) os critérios definidos pela Organização Mundial de Saúde”, disse Tiago, que não especificou as províncias onde as as pessoas se encontram em quarentena.

Entretanto, o Boletim Informativo sobre o Covid-19, publicado pelo Ministério de Saúde, indica que até 16 de Fevereiro 158 estavam quarentena em seis províncias.

O ministro da Saúde garantiu que o Governo reforçou a vigilância e abriu centros de isolamento para os casos com sintomatologia moderada ou grave durante a avaliação inicial na entrada.(VOA)