Sintomas desagradáveis que vai sentir quando deixar de fumar

Partilha Esta Noticia com os Seus Amigos

Deixar de fumar pode ser a decisão mais importante que pode tomar para o bem da sua saúde neste ano de 2020.

Se conseguir dizer não ao cigarro, a verdade é que o seu organismo irá inevitavelmente beneficiar.

Ainda assim o período de abstinência pode ser altamente desafiante, e o seu corpo irá muito provavelmente experienciar alguns sintomas desagradáveis enquanto recupera.

Segundo o Sistema Nacional de Saúde Britânico (NHS), poderá sentir o impulso quase incontrolável para fumar e sentir-se inquieto, extremamente irritado, frustrado e cansado.

Algumas pessoas sofrem ainda de insónias e têm dificuldades em concentrar-se.

Sintomas menos comuns incluem tossir, garganta irritada, respiração ofegante, obstipação, tonturas e aftas.

Todavia, e como alerta a NHS, é importante que mantenha em mente que esses sintomas irão passar e que em breve estará a recuperar. Regra geral os sintomas tendem a desaparecer de todo entre duas a quatro semanas.

Poderá ainda sentir-se tentado a comer mais, já que o seu apetite e olfato tornar-se-ão mais intensos e apurados, o que consequentemente pode provocar o ganho de peso.

Contudo, assim que a primeira fase de abstinência ficar no passado será mais fácil perder peso, isto porque sentirá mais energia para praticar exercício físico.

Entretanto, existem uma variedade de coisas que pode fazer para aliviar a ânsia que sente. Por exemplo, tente ter à mão snacks saudáveis como fruta ou frutos secos, ao invés de chocolates ou batatas fritas de pacote.

A NHS recomenda ainda que consulte um médico que poderá orientá-lo neste processo. E para que não desespere e se mantenha firme, saiba que: “com o passar do tempo os sintomas irão desaparecer e a vontade de fumar irá passar”, pode ler-se no site do organismo governamental. (Noticias ao minuto)