Doeu-me um pouco quando Cristiano Ronaldo ganhou a quinta Bola de Ouro diz Messi

Partilha Esta Noticia com os Seus Amigos

Lionel Messi conquistou, esta segunda-feira, a sexta Bola de Ouro da carreira e na tradicional entrevista concedida ao jornal L’Équipe pelo vencedor do galardão, o argentino revelou que ficou magoado depois de Cristiano Ronaldo o ter apanhado nos números do tão desejado troféu individual, com as conquistas de 2016 e 2017.

“Por um lado, eu gostava de ter cinco e ser o único. Quando Cristiano me igualou, admito que me doeu um pouco, porque eu já não estava sozinho no topo”, afirmou Messi.

O avançado do Barcelona sublinhou também que prefere conquistar títulos coletivos a prémios individuais.

“Mais uma vez, os títulos da equipa são os mais importantes, embora os individuais tenham grande valor. No que diz respeito à Bola de Ouro, cada um vive da sua maneira. É claro, no futebol de mais alto nível queremos sempre ganhar”, salientou.

O argentino confessou também que não se sente num patamar isolado de outros grandes nomes da história do futebol, apesar de se ser o futebolista que mais vezes ganhou a Bola de Ouro.

“Honestamente, eu não sei quem é o melhor jogador da história”, atirou.

(Noticias ao minuto)