Huawei quer combater novas restrições impostas pelos EUA

Partilha Esta Noticia com os Seus Amigos

AComissão Federal de Comunicações dos EUA anunciou recentemente que seriam bloqueados os financiamentos de empresas de telecomunicações caso estas pretendam adquiri equipamentos e serviços da Huawei. De acordo com o The Wall Street Journal, parece que a Huawei não ficou satisfeita com a notícia e já se encontra a preparar o ‘contra-ataque’.

A Huawei parece considerar a decisão “ilegal” e “baseada em informação selecionada, insinuações e suposições equivocadas”. A empresa chinesa adianta ainda que este bloqueio resultará em “efeitos profundamente negativos na conetividade de americanos em áreas rurais e carenciadas espalhadas pelos EUA”.

“A Comissão Federal de Comunicações destacou a Huawei com base na segurança nacional mas não providencia qualquer prova que a Huawei coloque riscos de segurança. Em vez disso, a Comissão Federal de Comunicações assume simplesmente, com base numa perspetiva errada da lei chinesa, que a Huawei pode estar a ser controlada pelo governo chinês”, pode ler-se no comunicado obtido pela publicação norte-americana.

NM