Internautas solidarizam-se com a vendedeira de hamburgers Tchova

Internautas abrem campanha “EuSouTânia” em solidariedade para com a vendeira de hamburgers Tchova, depois que foi vitima de empurrões de uma psicóloga que exigia explicações sobre suposto maus-tratos à sua filha.

Tudo começa quando uma jovem de aparentemente 21 anos de idade encomendou um hamburgers à vendedeira Tânia que minutos depois viria a dizer que não tinha dinheiro “cash” para pagar e pediu a referida cozinheira que a acompanhasse para o ATM para o levantamento do monante.

Segundo explicações da vendeira, a “miúda” levou quase uma hora no interior do banco o que de certa forma criou um certo desconforto a Tânia, uma vez que teve que parar o seu trabalho para atender a filha da psicóloga.

A referida miúda queixou-se à sua mãe alegando que a vendedeira tinha a maltratada o que levou a progenitora a exigir explicações sobre o sucedido, mas com um ar de agressividade, o que levou muitas pessoas a solidarizar-se com a Tânia.

O movimento espontâneo de solidariedade “EuSouTânia” promete para sexta-feira juntar-se a ela para mais uma vez prestar apoio moral.

É caso para dizer, que as redes sociais têm sua força. E ai está![CC]

Folha de Maputo

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.