Ultimate magazine theme for WordPress.

Fisco espanhol recusa oferta de Cristiano Ronaldo para pagar dívida e insiste em uma pena de prisão

Cristiano Ronaldo ofereceu-se para pagar qualquer valor que a autoridade fiscal de Espanha estipulasse como justa para resolver o caso de fuga ao fisco de que foi acusado. O Fisco espanhol recusou o pedido e insiste que o jogador deve pagar com uma sanção penal.

Defesa de Cristiano Ronaldo compara-o com Messi O jornal El Mundo, que foi o primeiro a noticiar o processo do Fisco de Espanha contra Cristiano Ronaldo revelou, esta segunda-feira, dois avanços no caso. O primeiro é de que o craque português




Mas, pouco depois, o mesmo El Mundo veio noticiar que a agência tributária recusou a proposta de Ronaldo e insiste em aplicar ao português uma sanção penal, pela presumível fuga aos impostos entre 2011 e 2014, avaliada em 14 milhões de euros. Ou seja, para o Fisco espanhol, Ronaldo é merecedor de uma pena de prisão.

O jornal diz que que, numa reunião anterior, Ronaldo terá proposto pagar cerca de 5 milhões, muito abaixo dos 15 que o Fisco exige.
Para o Ministério Público espanhol, Ronaldo aproveitou-se de uma sociedade criada em 2010 para ocultar ao fisco as receitas geradas em Espanha pelos seus direitos de imagem. Isto, para o fisco espanhol, supõe um incumprimento “voluntário” e “consciente” das obrigações fiscais de Cristiano Ronaldo em Espanha.

Sabado.pt

Loading...