Ultimate magazine theme for WordPress.

O Dia da Independência de Moçambique em 25 de junho

25 de Junho é uma referência na vida de todos os moçambicanos já que foi nesse dia que se oficializou por completo a independência de Moçambique. Oficialmente, a guerra teve início a 25 de Setembro de 1964, com um ataque ao posto administrativo de Chai no então distrito (actualmente província) de Cabo Delgado, e terminou com um cessar-fogo a 8 de Setembro de 1974, resultando numa independência negociada em 1975.




Abordar a luta armada sobre um país livre é impossível de se fazer sem falar sobre o partido actualmente em poder, a FRELIMO. Fundada oficialmente a 25 de Junho de 1962, o partido teve no seu primeiro presidente uma referência de liderança, Eduardo Mondlane. O antropólogo que trabalhava na ONU tinha tido contactos com Adriano Moreira, um governante português e com essas primeiras relações acreditava-se que se possível alcançar a independência de Moçambique só através de diálogo e sem ser necessário recorrer à luta armada.




Depois de Joaquim Chissano ter chefiado um Governo de transição, com governantes moçambicanos e portugueses, após os Acordos de Lusaka, Moçambique tornou-se independente de Portugal em 25 de Junho de 1975. O primeiro governo, dirigido por Samora Machel, foi formado pela FRELIMO.

Actualmente, o 25 de Junho é uma data emblemática escolhida, não só para celebrar um país independente mas também para inaugurar factos do desenvolvimento moçambicano.

SAPO