1.º de Maio:História do Dia do Trabalho

O Dia do Trabalho é comemorado em 1º de maio. em vários países do mundo é um feriado nacional, dedicado a festas, manifestações, passeatas, exposições e eventos reivindicatórios.




O Dia 1 de Maio, conhecido como Dia do Trabalhador, é proveniente de uma manifestação em busca de direitos no trabalho.

A História do Dia do Trabalho remonta o ano de 1886 na industrializada cidade de Chicago (Estados Unidos). No dia 1º de maio deste ano, milhares de trabalhadores foram às ruas reivindicar melhores condições de trabalho, entre elas, a redução da jornada de trabalho de treze para oito horas diárias. Neste mesmo dia ocorreu nos Estados Unidos uma grande greve geral dos trabalhadores.

A manifestação decorria pacificamente mas as autoridades colocaram um ponto final na reivindicação através de disparos que mataram 10 pessoas e deixaram dezenas de outras feridas.




Os trabalhadores não baixaram os braços e poucos dias depois voltaram às ruas, tendo voltado a haver retaliações por parte das autoridades. Oito dos líderes foram detidos, três trabalhadores foram condenados a prisão perpétua e quatro foram executados, como exemplo para os restantes.

A luta parecia ter sido vã, mas o Congresso Operário Internacional, que se reuniu em Paris em 1889, teve a luta dos trabalhadores norte-americanos em conta e decretou o dia 1 de Maio como o Dia Internacional dos Trabalhadores, uma escolha que ainda hoje permanece e é comemorada anualmente um pouco por todo o mundo.
Citado por Noticias ao minuto

A decisão reconhecida internacionalmente em França levou o governo norte-americano a dar o braço a torcer e, em 1890, os trabalhadores conquistaram as oito horas de trabalho diário.