Ultimate magazine theme for WordPress.

Tabaco e álcool passam a ter selo fiscal obrigatório em Moçambique

A Autoridade Tributária de Moçambique (AT) anunciou hoje a entrada em vigor no país do selo fiscal obrigatório para o tabaco e bebidas alcoólicas, como forma de combater o contrabando destes produtos no país.




Falando no lançamento da campanha, a presidente da AT, Amélia Nakhare, afirmou que 66% do tabaco e bebidas alcoólicas que circulam no mercado moçambicano são contrabandeados, situação que será travada com a exigência do selo fiscal.

“Vamos, a partir de abril, exigir que o tabaco e as bebidas alcoólicas vendidas nos mercados, ostentem o selo da Autoridade Tributária. Caso não tenham, serão considerados contrabandeados e sujeitos às respetivas penalizações”, disse Nakhare.

O tabaco e bebidas alcoólicas produzidas em Moçambique vão adquirir o selo na AT local, enquanto os produtos importados vão comprar o selo nos países de importação, acrescentou a presidente das alfândegas moçambicanas.




A medida, prosseguiu, é uma forma de proteger a indústria nacional e de combater a fuga ao fisco, assegurando que o tesouro arrecade legitimamente mais recursos.

Fonte:Noticias ao minuto

Loading...