Indivíduo envenena mortalmente seu colega

26

Um cidadão esta a contas com a Polícia da República de Moçambique (PRM) no distrito de Boane, província de Maputo acusado de matar um colega, com recurso a veneno, na casa onde trabalhava como empregado doméstico.




MAPUTO- O indiciado de 24 anos de idade, matou o colega como forma de impedir que ele contasse ao patrão alguns desvios de comportamento que aconteciam na residência onde os dois trabalhavam – Anunciou Emídio Mabunda, porta-voz da Polícia na província de Maputo.

Sem indicar que tipo de veneno usou para acabar com a vida do colega, o visado disse que o produto foi injectado na farinha de milho.[AM]

Folha de Maputo

você pode gostar também Mais do autor

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.