O Teu portal online

Maior radiotelescópio do mundo começa a operar na China

49

Entrou em operação no último fim de semana, na China, o FAST (sigla em inglês para Telescópio Esférico de Abertura de 500 Metros), maior radiotelescópio do mundo. Entre outros objetivos, o instrumento será usado na busca por exoplanetas e também vida extraterrestre.

Com 500 metros de diâmetro, o FAST é 200 metros maior do que o Observatório de Arecibo, localizado em Porto Rico, que, até semana passada, era o maior do mundo em operação. Em perspectiva, o FAST tem o tamanho de 30 campos de futebol – e isso não é apenas um capricho dos construtores.

Por ser tão grande, o telescópio chinês possui também um campo de visão 2 vezes maior do que o Arecibo. Em termos de sensibilidade, o FAST é 10 vezes mais poderoso do que seu vizinho mais próximo, o telescópio de Bonn, na Alemanha, o que lhe permite coletar informações com ainda mais detalhes.

Segundo Peng Bo, pesquisador do Observatório Astronômico Nacional da China, “o potencial do FAST para descobrir uma civilização alienígena será 10 vezes maior do que o de equipamentos que utilizamos atualmente, já que ele poderá ver planetas mais distantes e mais escuros”.

O governo chinês investiu mais de US$ 180 milhões no projeto que teve de desapropriar as casas de centenas de moradores nos arredores do local, a fim de evitar interferências de radiofrequência. Cientistas chineses terão prioridade para utilizar o novo telescópio, que só será aberto a pesquisadores do resto do mundo a partir de 2018.

Fonte: olhar digital




[fbcommentssync]

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.