A Miss África do Sul usa luvas para tocar crianças com HIV e gera polémica

75
loading…



A Miss África do Sul, Demi-Leigh Nel-Peters participou num evento de carácter solidário, de doação de comida a crianças e está a ser confrontada com acusações de ser racista depois de ter sido fotografada de luvas num encontro com crianças com SIDA na comunidade de Ikageng. Segundo conta Noticias ao minuto

As imagens já geraram críticas, com muitos a acusarem Demi de ser racista e de ter medo de tocar em crianças com HIV.

Entretanto a responsável pelo centro comunitário já veio defender a modelo, considerando toda a polémica “ridícula”.



“Todos os nossos voluntários, incluindo o nosso staff, usa luvas durante a preparação da comida. É uma regra”, afirmou Carol Dyanti, mostrando-se triste pelas pessoas se terem focado neste aspeto ao invés de elogiar o impacto positivo da ação da jovem.

De acordo com Noticias ao minuto, Também a modelo, num vídeo entretanto divulgado, já se defendeu, referindo que não passou de uma questão de higiene”. Apesar disso, pediu desculpa aos que se sentiram ofendidos.



você pode gostar também Mais do autor

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.